Quedas gradativas nos preços no mercado de reposição

Já são quatro semanas de preços praticamente estáveis, como consequência da própria morosidade no mercado do boi gordo e a resistência dos compradores aos preços vigentes. Na média de todas as categorias de machos anelorados e estados pesquisados pela Scot Consultoria, a queda na última semana foi de 0,2%. Desde o início do ano houve recuo de 4,0% nos preços. O destaque são as categorias mais jovens, que apresentaram queda de 4,7%, em média, no período. Com isso, é notável a recuperação do poder de compra, tanto do invernista como do recriador, desde o início do ano.

Em São Paulo, em dezembro, eram necessárias 9,1 arrobas de boi gordo para a compra de um bezerro desmamado, a pior relação de troca dos últimos vinte anos. Atualmente, são necessárias 7,85 arrobas, uma melhora de 14,1% na relação de troca. Em curto prazo é esperado que continue ocorrendo melhora no poder de compra do recriador e invernista.

Fonte: Scot Consultoria



Deixe uma resposta

*