Colheita avança nos Estados Unidos, mas mercado continua estável

O boletim de acompanhamento de safra dos Estados Unidos não trouxe surpresa para o mercado. Nesta quarta-feira (11), a soja estava cotada US$ 9,65 por bushel (novembro) e a US$ 9,76 por bushel (janeiro). A leve queda demonstra que os investidores não se surpreenderam com as informações sobre a colheita da safra 2017/18 e das condições das plantações norte-americanas.

Segundo Camilo Motter, economista e analista da Granoeste, o mercado está mais cauteloso e as especulações menos excessivas. “O preço da soja está praticamente estabilizado há um bom tempo. E não vamos ter mudanças muito significativas no curto prazo”, diz.

Nesta quinta-feira (12), o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) vai divulgar o balanço de oferta e demanda. Os analistas esperam que os dados sejam semelhantes ao último boletim, em torno de 120 milhões de toneladas de soja.

Colheita
Segundo o USDA, o 36% da área de soja já foi colhida até o último dia 8 de outubro. Na semana anterior, o número estava em 22% e a média dos últimos anos é de 43%. O USDA ainda elevou de 60% para 61% o índice de lavouras em boas ou excelentes 
Em torno de 89% das plantações estão em fase de desfolha, contra 80% da semana anterior. A média dos últimos anos é de 87%.

No milho, a colheita evoluiu pouco em relação à semana anterior e passou de 17% para 22%. A média dos últimos anos é de 37% e no mesmo período do ano anterior a colheita já estava completa em 33% da área cultivada. O USDA ainda indicou que 82% das plantações estão em fase de maturação, na semana anterior o índice era de 68% e a média dos últimos anos é de 87%.

http://www.cnabrasil.org.br/

Deixe uma resposta

*